Western Digital compra Sandisk por US$19 Bi

western digital sandisk

A empresa Western Digital, conhecida pelos seus HDs (Hard disks) para PCs anunciou que entrou um acordo para compra da empresa SanDisk, conhecida como grande fabricante de memórias SSD, por US$ 19 bilhões. Segundo seu CEO, a Western Digital enxergou uma oportunidade em adquirir essa empresa devido a explosão de criação de dados entre os consumidores e no mundo empresarial, o que demanda mais capacidade de armazenamento digital. Como sabemos, o aumento a cada dia do numero de equipamentos conectados no mundo, coletando e enviando novos dados  contribui para o aumento do número de informação digital disponível hoje no mundo e passível de armazenamento. Se este acordo entre as duas empresas for aprovado, a Western Digital diz que será criada uma empresa com uma receita de US$ 20 bilhões e tem previsão de dobrar o mercado dessas duas empresas até 2017 para um valor estimado de US$ 76 bilhões. Essa transação começa agora e tem previsão de terminar apenas daqui um ano.

Só para se ter uma ideia do mercado de PCs, sem incluir o mercado de sistemas embarcados e armazenamento empresarial, a penetração das memorias SSD em notebooks tem estimativa de crescer substancialmente nos próximos anos. De 26% do mercado em 2015, estima-se que cresça sua participação para 36% em 2016. Essa corrida pelo SSD deve-se, claro, pelo número de fabricantes crescendo dia após dia que usam a mesma tecnologia que a Apple empregou para armazenamento em seus Macs. Claro que essa tecnologia traz muito conforto ao usuário que percebe uma ótima performance em seu PC. E com o número de fabricantes aumentando, a tendência do preço da SSD é cair.

Atualmente, se considerarmos então somente SSDs utilizados para armazenamento de dados empresariais, a Intel lidera com  27.4% de share do mercado mundial. A Intel então é líder absoluta, seguida pela Samsung e Samdisk, que possuem cada uma parcela de 14.7% de mercado. Western Digital tem participação de 10.2% e Micron, 5.1%. Com a fusão, Western Digital e Samdisk passam a assumir o segundo lugar e “encostam” na Intel, as duas somadas com 24.9%.

sandisk-western

Para se ter uma ideia de como a Western Digital quer mesmo dominar esse mercado de SSD e armazenamento em Flash, ela fez as seguintes aquisições:

  • Em 2013 ela adquiriu a sTec, um fabricante de SSD e DRAM.
  • No mesmo ano, também comprou a empresa Virident Systems, uma corporação que trabalha com memórias flashs em servidores para armazenamento de dados, virtualização, computação em nuvem, banco de dados e aplicações web escaláveis.
  • Ainda em 2013, a Velobit, uma empresa que trabalha com otimização para armazenamento também foi adquirida pela Western Digital
  • No ano passado, em dezembro de 2014, a Western Digital adquiriu a Skyera, um fabricante de flash para armazenamento de dados
  • Terminou a pouco a transação de compra da Hitashi, empresa de HD. (Apesar dessa transação parecer nao ter sentido, haja visto que o futuro é composto por memórias SSD e NAND, a Western Digital quer cortar preços na fabricação dos seus HDs clássicos e impor uma pressão na Seagate – Ambas competem nesse mercado com quase metade do mercado cada uma). Ao mesmo tempo que investe então em novas tecnologias, procura baixar o valor de produção de seus HDs e enfraquecer a concorrência.

Mas a transação entre Western Digital e SanDisk ainda está em andamento e só será concluída somente depois deum ano. Em setembro, ou seja, no mês passado, a empresa Chinesa Unisplendour anunciou planos em comprar 15% da Western Digital por 3.78 bilhões. Com isso, a Unispelendor poderia nomear um dos membros tomadores de decisão da Western Digital e isso seria com certeza uma porta de entrada no mercado americano, o mercado mais estratégico para uma empresa chinesa de tecnologia com certeza. Então, o acordo com a Sandisk foi anunciado com duas condições distintas, uma se o negócio entre a Unispelendor e a Western Digital fechar e outro se a transação não der certo. Portanto, a transação, apesar de anunciada com o valor de 19 bilhões, pode ter um número menor se a Unispelendor pular fora do negocio. Ou seja, um negócio depende do outro e nessa transação uma empresa americana que pode ter participação chinesa pode ganhar mais poder de mercado para enfrentar a lider no segmento, Intel.

Interessante notar que em 2013 a Western Digital já foi uma empresa parceira da SanDisk em um novo produto, um SSHD (Solid State Disk Drive), que era o primeiro HD hibrido a ser inventado e lançado pro mercado. Para os curiosos, veja uma matéria com Lucas Mearian na ComputerWorld.  O modelo WD Black SSHD por exemplo, vendido atualmente no mercado americano, combina até 500GB de HD da Western Digital com até 24GB de memoria NAND flash da SanDisk. Esse HD, no entanto não vende tanto hoje em dia como o esperado. Só para se ter uma ideia, é esperado que consiga apenas 25 milhões em vendas desse produto, diferente do que acontece com as memorias SSD, principal motivo de interesse da WD pela SanDisk, e também das NAND flash. A venda dessas duas tecnologias de armazenamento dispararam nos últimos anos e o mercado é cada vez maior!

Para saber mais:

Excelente artigo da Forbes

Fool.com

Fortune

Website | Veja + conteúdo

Sou formado em Engenharia Elétrica na USP Sao Carlos, com mestrado em Engenharia Elétrica no Rochester Institute of Technology pelo CsF. Tenho 17 anos de experiência em projetos de circuitos eletrônicos. Escrevo regularmente para o Embarcados, adoro eventos sobre tecnologia, onde posso rever amigos e conhecer pessoas do ramo.

Licença Creative Commons Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.

Receba os melhores conteúdos sobre sistemas eletrônicos embarcados, dicas, tutoriais e promoções.

Comentários:
Notificações
Notificar
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Talvez você goste:

Séries

Menu