Nenhum comentário

Wearable – Vestimos tecnologia

wearable

Atualmente estamos presenciando o surgimento de uma nova mania: "weareable". Sem tradução exata ainda para o português, esses são dispositivos embarcados de baixíssimo consumo de energia e que são conectados a alguma outra eletrônica, por exemplo a um smartphone através de conexão sem fio. Eles ficam conectados ao corpo e, como o nome indica, os usamos. Entre os exemplos mais famosos se destacam as cintas de corredores, como os da Polar e da Nike, e o Google Glass que será em breve comercializado e tem tudo para ser um sucesso. A Apple também possui um relógio que é extensão do smartphone iPhone. 

O grande desafio dos inventores desses dispositivos, apesar de propor um estilo de vida mais conectado, agradável e facilitado, ainda é o de deixá-los mais úteis. Parece um paradoxo, não? Mas diversas modas são apenas para curiosos, nada mais. Será que essa veio pra ficar? Só o tempo nos dirá.

Existe muito interesse nesse assunto e também sites especializados só em noticiar o que há de mais novo no assunto, como por exemplo, o Engadget.

Campanha contra o câncer - Usando um Wearable

Uma companhia que opera na grécia teve uma idéia original: toda vez que Maria Bacodimou (@mariabacodimou), celebridade grega, tira seu sutiã, ele manda um tweet. Sim, isso mesmo. Ele envia um tweet automaticamente pra todas as suas seguidoras no Twitter sobre a importância do auto-exame nos seios, importante na prevenção contra o câncer de mama, toda vez que ela o tira.

Veja o vídeo da campanha. Está em grego.

O tweet em grego é mais ou menos assim: "Maria acabou de tirar seu sutiã. Quando você fizer o mesmo, não se esqueça do auto-exame."

Dê uma olhada na eletrônica embarcada utilizada nesse wearable - não conseguimos descobrir qual processador ou módulo os engenheiros utilizaram.

Wearable - tweetingbra

Essa ideia, claro, é uma jogada de marketing, feita pela empresa Nestle Fitness. O sutiã tem uma eletrônica embarcada, que conta com um módulo bluetooth e um sensor. Quando o "ganchinho" do sutiã é desconectado, o sensor detecta desconexão e o módulo envia um sinal para o Smartphone de Maria, que manda o tweet por um aplicativo feito para esse fim.

Quer receber o aviso? Para receber o tweet tem que ser mulher e seguir o perfil @tweetingbra.

Determinadas aplicações com sistemas embarcados realmente mudam o mundo!

Licença Creative Commons Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.

Receba os melhores conteúdos sobre sistemas eletrônicos embarcados, dicas, tutoriais e promoções.

Hardware » Wearable - Vestimos tecnologia
Comentários:
Notificações
Notificar
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Talvez você goste:

Séries

Menu

WEBINAR
 
Debugging
em Linux embarcado

 

Data: 30/09 às 19:30h - Apoio: Mouser Elecctronics
 
INSCREVA-SE AGORA »



 
close-link