Conheça a VEGAboard - Placa lançada pela OpenISA

A VEGAboard lançada recentemente pela OpenISA é a mais nova placa com RISC V. Com pinout compatível com Arduino e lembrando bastante as Freedom boards da NXP, a VEGAboard traz um microcontrolador wireless da NXP, o RV32M1 que possui um núcleo ARM Cortex-M0+, um núcleo ARM Cortex-M4F, um núcleo RISC-V RI5CY e um núcleo RISC-V ZERORISCY, além de um rádio operando na faixa de 2,36 GHz a 2,48 GHz.

 

As VEGAboards estão sendo oferecidas gratuitamente para desenvolvedores qualificados:

Similar às placas Freedom Boards, a VEGAboard possui a interface OpenSDA para gravação e depuração através da porta USB:

 

A VEGAboard inclui ainda 4 MB de Flash, um sensor de luz, acelerômetro, magnetômetro, um LED RGB, e rádio compatível com BLE.

 

Os núcleos RISC-V RI5CY e RISC-V ZERO-RISCY foram desenvolvidos como parte da plataforma PULP.

 

A seguir é apresentado o diagrama de blocos do microcontrolador:

 


Essa placa é resultado de uma parceria entre as plataformas PULP, Express Logic, Foundries.io, Ashling, IAR Systems e Segger.

Mais detalhes e link para pedir a placa são encontrados no site oficial, enquanto a documentação e software estão disponíveis no GitHub.

Confira o video de apresentação da VEGAboard no Hackster:

 

 

 

Confira os vídeos com os primeiros passos

 

POWER UP

 

 

DOWNLOAD YOUR SOFTWARE

 

 

BUILD YOUR DEMO

 

 

DO YOUR THING

 

 

NEWSLETTER

Receba os melhores conteúdos sobre sistemas eletrônicos embarcados, dicas, tutoriais e promoções.

Obrigado! Sua inscrição foi um sucesso.

Ops, algo deu errado. Por favor tente novamente.

Fábio Souza
Engenheiro com experiência no desenvolvimento de projetos eletrônicos embarcados. Hoje é diretor de operações do portal Embarcados, onde trabalha para levar conteúdos de eletrônica, sistemas embarcados e IoT para o Brasil. Também atua no ensino eletrônica e programação pelo Brasil. É entusiastas do movimento maker, da cultura DIY e do compartilhamento de conhecimento, publica diversos artigos sobre eletrônica e projetos open hardware, como o projeto Franzininho Participou da residência hacker 2018 no Redbull Basement. Quando não está ministrando palestras, cursos ou workshops, dedica seu tempo “escovando bits” ou projetando placas eletrônicas.

Deixe um comentário

avatar
 
  Notificações  
Notificar