Placa de Interfaces para os módulos Telit

Telit EVK2

A placa de desenvolvimento e avaliação do módulo ME910C1-WW LTE da Telit é a EVK2. Esse módulo suporta as redes GPRS, EDGE, CAT M1 e CAT NB-IoT1 e essa placa foi desenvolvida para que o desenvolvedor não tivesse problema de já testar e colocar pra funcionar o módulo utilizando controlador externo, interfaceando a placa via serial (COM).

 

Na placa de interface estão disponibilizados os seguintes recursos:

  • Conectar para SIM Card;
  • Dois conectores de antenas e circuito de RF, com conectores SMA para as antenas GPS e de sinal celular;
  • Conector mini-USB, que permite conexão com a porta USB do modem;
  • Alguns jumpers que aceleram o desenvolvimento e permite reconfiguração rápida da placa;
  • Level translators de 1,8 V do modem para 2,8 V expostos na interface inferior da placa;
  • 2 conectores 100 mil / 2.54 mm do lado de baixo, que permitem acesso a todas as funções do modem;
  • Conectores adicionais.

 

Esta placa permite também que se conecte de forma simples um controlador, microcontrolador ou PC externo à porta serial do modem, disposta no conector da parte inferior da placa.

Outros artigos da série

<< Placa de avaliação Sierra Wireless MangOH RedQualcomm DragonBoard 410C >>
NEWSLETTER

Receba os melhores conteúdos sobre sistemas eletrônicos embarcados, dicas, tutoriais e promoções.

Obrigado! Sua inscrição foi um sucesso.

Ops, algo deu errado. Por favor tente novamente.

Licença Creative Commons Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.

Thiago Lima
Apaixonado por sistemas digitais e circuitos eletrônicos, ja contabilizo 16 anos trabalhando com desenvolvimento de produtos eletrônicos. Formado na USP Sao Carlos, com mestrado em Engenharia Elétrica no Rochester Institute of Technology pelo CsF, atualmente lidero boa parte das operações do Embarcados, buscando levar conhecimento de sistemas eletrônicos para o Brasil. Experimentar o mundo das startups nos EUA foi transformador. La fui cofundador de uma startup de tecnologia chamada Una, sendo acelerado e incubado por um programa especial de Startups no RIT. Ao final, recebemos um prêmio de melhor startup do programa. No Laboratório Hacker de Campinas sou um dos entusiastas de novas tecnologias e apoio iniciativas da comunidade. Tambem participo de atividades comunitarias e sou um dos responsáveis pela Plataforma Ituiutaba Lixo Zero, onde escrevo regularmente artigos sobre redução de resíduos. Sou sonhador mesmo e quero acender a luz ?

Deixe um comentário

avatar
 
  Notificações  
Notificar