Shield OM13082 para as placas LPCXpresso

A NXP, a fim de proporcionar uma placa de expansões que pudesse funcionar com todas as placas NXP LPCXpresso, disponibilizou para venda uma placa com vários periféricos interessantes para projetos. Esse shield para as placas LPCXpresso pode ser encaixada em uma outra placa da mesma família e o usuário apenas precisa se preocupar com o firmware para controlar cada um desses  dispositivos.

A placa LPCXpresso possui os seguintes componentes:

  • Um LCD gráfico de 128x64 conectado via comunicação serial SPI;
  • Um sensor inercial, o Bosch BMI160, que possui integrado um acelerômetro de 3 eixos e um giroscópio de 3 eixos, que permite ser acessado via comunicação serial I2C;
  • Um sensor I2C de temperatura NXP, o LM75D;
  • 4 Leds controlado via um expansor de IOs, o NXP® PCA9535BS, via comunicação I2C;
  • O mesmo expansor também é usado para controlar um joystick de 5 posições;
  • Um potenciômetro conectado a um conversor AD do microcontrolador, em AIN0;
  • Um slot onde pode ser conectado um cartão SD ou MMC;
  • Um conector Ethernet RJ45, incluindo também o trafo necessário para o hardware Ethernet. Nessa placa foi usado o CI TS8121C;
  • Tranceptor e conector CAN. Nessa placa foi utilizado um transceptor TJA1040;
  • Conector Micro USB que conecta direto aos pinos USB HOST do microcontrolador com proteção de ESD. Nessa placa foi utilizado o CI TPS2041B.

 

 

Circuitos dispostos na placa

 

A seguir estão mostrados os circuitos, retirados do esquemático da placa.

 

LCD gráfico de 128x64

 

LCD gráfico para a LPCxpresso

 

 

Sensor de temperatura, acelerômetro e giroscópio

 Sensor de temperatura, acelerômetro e giroscópio da LPCXpresso

 

4 Leds e Joystick de 5 posições

 

Leds e Joystick para LPCXpresso

 

Potenciômetro

 

Potenciômetro para LPCXpresso

 

Cartão SD ou MMC

 

Cartão SD ou MMC para LPCXpresso

 

Ethernet

 

Ethernet para LPCXpresso

 

CAN

 

CAN para LPCXpresso

 

USB

 

USB para LPCXpresso

 

 

JUMPER de I2C

 

Os 4 Leds, o Joystick, o sensor de temperatura e o sensor inercial, com acelerômetro e giroscópio integrados, se comunicam via comunicação serial I2C. O Jumper JP6  que está na placa permite selecionar se essa I2C será conectada aos pinos de I2C1 (SCL1 e SDA1) ou se esses pinos serão selecionados para conectar a I2C à I2C2 (SCL2 e SDA2).

 

Configuração I2C do shield para placas LPCXpresso

 

É importante salientar que para a placa ser alimentada pela LPCXpresso, o Jumper JP1 deve estar conectado.

 

Para selecionar o Chip Select do LCD, o JP2, se conectado em 1 e 2, o CS é conectado no pino responsável pelo CS do SPI0, ou seja, SPI_CS0. Se conectado em 3 e 4, o CS é conectado no pino responsável pelo CS do SPI1, ou seja, SPI_CS1. Se conectado em 5 e 6, o CS é conectado no pino 15 de CN6.

 

O Jumper JP3, se conectado, faz com que o pino que detecta a presença do SDIO esteja conectado ao pino 18 de CN8.

 

O Jumper JP4, se conectado entre 1 e 2, determina que o pino 19 de CN6 esteja conectado ao pino CD do display. Se conectado entre 2 e 3, o pino CD do display estará conectado ao pino 17 de CN6.

 

O Jumper JP5 ajuda a determinar qual pino irá detectar se algo foi conectado à USB. Se conectado entre 2 e 3, o pino 7 de CN9 estará conectado à alimentação da USB. Caso esteja conectado entre 1 e 2, o que estará conectado à USB será o pino 12 de CN9.

 

O JP7 determina em qual canal de AD está ligado o potenciômetro. Se conectado entre os pinos 5 e 6, o potenciômetro estará conectado ao canal 3. Se conectado entre 3 e 4, o canal 4 estará selecionado. Se for conectado entre 1 e 2, o canal 5 será selecionado. A seleção do canal 5 interfere na seleção de JP5, caso ele esteja conectado entre 1 e 2.

 

 

Mais Informações

 

Página da placa Shield para as placas LPCXpresso

Datasheet da placa Shield para as placas LPCXpresso

NEWSLETTER

Receba os melhores conteúdos sobre sistemas eletrônicos embarcados, dicas, tutoriais e promoções.

Obrigado! Sua inscrição foi um sucesso.

Ops, algo deu errado. Por favor tente novamente.

Thiago Lima
Apaixonado por sistemas digitais e circuitos eletrônicos, ja contabilizo 16 anos trabalhando com desenvolvimento de produtos eletrônicos. Formado na USP Sao Carlos, com mestrado em Engenharia Elétrica no Rochester Institute of Technology pelo CsF, atualmente lidero boa parte das operações do Embarcados, buscando levar conhecimento de sistemas eletrônicos para o Brasil. Experimentar o mundo das startups nos EUA foi transformador. La fui cofundador de uma startup de tecnologia chamada Una, sendo acelerado e incubado por um programa especial de Startups no RIT. Ao final, recebemos um prêmio de melhor startup do programa. No Laboratório Hacker de Campinas sou um dos entusiastas de novas tecnologias e apoio iniciativas da comunidade. Tambem participo de atividades comunitarias e sou um dos responsáveis pela Plataforma Ituiutaba Lixo Zero, onde escrevo regularmente artigos sobre redução de resíduos. Sou sonhador mesmo e quero acender a luz ?

Deixe um comentário

avatar
 
  Notificações  
Notificar