Qualcomm DragonBoard 410C

ALIP na Qualcomm DragonBoard 410C IBM Watson

Esse artigo vai apresentar a placa Qualcomm DragonBoard 410C, suas características de hardware e sistemas operacionais suportados. Antes de apresentarmos a placa DragonBoard 410C, vamos falar sobre o padrão de hardware da mesma. Por fim, todos os componentes e conectores principais, além das possibilidades de expansão com uma placa especial da Seeed Studio chamada Sensors Mezzanine são apresentadas.

 

Padrão de hardware CE (Consumer Edition) da Linaro 96boards

 

O grupo Linaro 96boards, organização da Linaro, fez uma especificação aberta de hardware que define uma plataforma para placas com ARM SoCs. São três especificações de hardware diferente:

 

  • A Consumer Edition (CE), que visa trabalhar nos segmentos de sistemas embarcados, mobile e sistemas eletrônicos usadas em residências.
  • A Enterprise Edition (EE), que foca em hardware de segmentos para servidores e rede.
  • A IoT Edition (IE), que também especifica para segmentos embarcados e Internet of Things (IoT).

 

A ideia é fazer com que diferentes placas de baixo custo possam ser criadas, com o form factor pequeno e processadores ARM Cortex A. O tamanho, formato, disposição dos conectores e os barramentos de IO e expansão são padronizados a fim de permitir que diferentes fabricantes possam fazer suas placas de tal forma que outras placas possam ser encaixadas de forma modular às placas compatíveis com a 96boards. Essa facilidade também se estenderia ao software, uma vez que os drivers ficariam independentes de fabricante em um futuro próximo, conforme o trabalho das empresas e da comunidade envolvida no projeto.

 

Características de Hardware da DragonBoard 410C

 

A placa DragonBorad 410C foi desenvolvida pela Arrow para popularizar o acesso ao processador SnapDragon. Veja a imagem de frente e verso dessa placa:

 

snapdragon

 Veja o diagrama de blocos da placa DragonBoard 410C.

 

screenshot-from-2016-10-29-15-56-17

 

O Hardware dessa placa é composto por:

  • Processador SnapDragon 410 E Quad-core ARM Cortex A53 (ARM v8-A) capaz de operar até 1,2 GHz por core com suporte a  32-bit e 64-bit
  • GPU Qualcomm Adreno 306 com suporte a APIs avançadas, incluindo OpenGL ES 3.0, OpenCL e DirectX.
  • Memória RAM de 1GB LPDDR3 533MHz
  • Memória Flash de 8GB eMMC 4.5 / SD 3.0 (UHS-I)
  • Conectividade:
    • Wi-Fi 802.11 b/g/n 2.4GHz
    • Bluetooth 4.1
    • Tecnologia de localização Qualcomm IZat
    • Antenas GPS, Wi-Fi, Bluetooth on board
  • Conectores e IOS de Expansão:
    • Um conector de expansão de baixa velocidade com as comunicações: UART, SPI, I2S, 2 I2Cs, além de 12 GPIOs e com alimentação. Esse conector de expansão é compatível com o padrão CE (Consumer Edition) da Linaro 96boards.
    • Um conector de alta velocidade de 60 pinos com: 4L MIPI-DSI, USB, 2 I2Cs, 2L+4L MIPI-CSI.
    • Pode ser montado na placa um conector opcional de 16 pinos para expansão para sinais analógicos, para headset stereo/line-out, speaker e line-in.

Veja um diagrama que ajuda no entendimento de como o hardware da placa foi concebido.

 

arrow_dragonboard_410c_a

 

Especificações mecânicas da DragonBoard 410C

 

A placa possui uma disposição dos conectores de acordo com a especificação CE da Linaro, conforme citado acima. E uma borda da placa existem os seguintes conectores:

  • SD CARD
  • HDMI
  • Micro USB
  • 2 Conectores USBs lado a lado.

 

Próximo ao conector HDMI há um conector de sinais de alta velocidade. Na borda oposta, há um conector de sinais de baixa velocidade e o conector de alimentação.   

 

Veja a figura abaixo retirada do documento de especificações:

linaro

 

Unboxing em inglês da placa por Robert Wolff

 

Fiz uma apresentação da placa em potuguês, confira:

 

 

Sistemas Operacionais Suportados

 

Os Sistemas Operacionais suportados por essa placa são:

  • Android 5.1 (Lollipop) com Linux Kernel 3.10,
  • Linux baseado no Debian 8.0
  • Windows 10 IoT Core.

 

Placa 96Boards Sensors Mezzanine

 

A 96boards disponibilizou uma placa open hardware para que fosse possível conectar de forma fácil diversos dispositivos externos à placa. Essa placa seria uma excelente forma de entrada da Qualcomm com seu processador DragonBoard no mundo Maker pois permite a conexão de diversos dispositivos Grove da SEEED Studio.

 

screenshot-from-2016-10-29-16-34-15

 

Veja as características dessa placa:

  • Placa compativel com as placas que seguem as especificações da 96Boards CE e EE
  • Microcontrolador ATMEGA328 compatível com Arduino.
  • Header de extensão Arduino
  • 9 conectores Grove - 5 GPIOs, and 4 I2Cs
  • 9 conectores Grove para os IOs do ATMEGA328: 5 GPIOs, 3 ADCs, and 1 I2C
  • 2 headers SPI
  • Interface MicroUSB para um console da 96Boards
  • 3 Leds

 

screenshot-from-2016-10-29-16-33-59 Para mais informações e arquivos de projeto dessa placa, acesse o site da placa.

 

Como comprar as placas

 

Como adquirir as placas? Para comprar a placa Qualcomm DragonBoard 410C, entre em contato com a Arrow. Para comprar a placa  96Boards Sensors Mezzanine, peça pelo site da Seeed.

 

Outros artigos da série

<< Placa de Interfaces para os módulos TelitComo instalar o Linux Linaro-ALIP na Qualcomm DragonBoard 410C >>

NEWSLETTER

Receba os melhores conteúdos sobre sistemas eletrônicos embarcados, dicas, tutoriais e promoções.

Obrigado! Sua inscrição foi um sucesso.

Ops, algo deu errado. Por favor tente novamente.

Thiago Lima
Apaixonado por sistemas digitais e circuitos eletrônicos, ja contabilizo 16 anos trabalhando com desenvolvimento de produtos eletrônicos. Formado na USP Sao Carlos, com mestrado em Engenharia Elétrica no Rochester Institute of Technology pelo CsF, atualmente lidero boa parte das operações do Embarcados, buscando levar conhecimento de sistemas eletrônicos para o Brasil. Experimentar o mundo das startups nos EUA foi transformador. La fui cofundador de uma startup de tecnologia chamada Una, sendo acelerado e incubado por um programa especial de Startups no RIT. Ao final, recebemos um prêmio de melhor startup do programa. No Laboratório Hacker de Campinas sou um dos entusiastas de novas tecnologias e apoio iniciativas da comunidade. Tambem participo de atividades comunitarias e sou um dos responsáveis pela Plataforma Ituiutaba Lixo Zero, onde escrevo regularmente artigos sobre redução de resíduos. Sou sonhador mesmo e quero acender a luz ?

Deixe um comentário

avatar
 
  Notificações  
Notificar