Projeto com a FRDM-K64F e KDS – Suporte ao KSDK e Processor Expert

FRDM-K64F e KDS Suporte ao KSDK e Processor Expert
Este post faz parte da série Projeto com a FRDM-K64F e KDS. Leia também os outros posts da série:

Dando continuidade à série Projeto com a FRDM-K64F e KDS, neste artigo explicarei como gerar código com suporte ao KSDK e com suporte ao Processor Expert.

Apenas para informação, esta é a sequência de post proposta na primeira parte:

  • Projeto com a FRDM-K64F e KDS: Codificação sem suporte ao KSDK e ao Processor Expert;

  • Projeto com a FRDM-K64F e KDS – Suporte ao KSDK: Codificação com suporte ao KSDK e sem suporte ao Processor Expert;

  • Projeto com a FRDM-K64F e KDS – Suporte ao KSDK e Processor Expert: Codificação com suporte ao KSDK e ao Processor Expert.

O que é o Processor Expert?

É uma ferramenta da NXP (antiga Freescale) que permite facilitar a inicialização dos periféricos. Com isso o tempo para iniciar o projeto fica bem reduzido.

Criando o projeto com suporte ao KSDK e ao Processor Expert

Com o KDS aberto, siga o seguinte caminho para criar o novo projeto: “File -> New -> Kinetis Project”. No campo “Project Name”, digite o seguinte nome de projeto: “PiscaLedComSuporteKSDKePE”. Clicar em “Next”. Selecione “Processors -> Kinetis K -> MK60 -> MK64F(120MHz) -> MK64FN1M0xxx12”. Clicar em “Next”.

KSDK e Processor Expert: Seleção do KSDK e Processor Expert
Figura 1: Seleção do KSDK e Processor Expert

No campo “Kinetis SDK” selecione “KSDK_1.2.0”. Marque o checkbox “Processor Expert”. Verifique se em “Project Mode” está selecionada a opção “Standalone”. Clicar em “Next”. Selecionar a opção “GNU…”, para gerar código para o KDS. Clicar em “Finish”.

Abrir o “Processor Expert” clicando no botão mostrado abaixo.

KSDK e Processor Expert: abrindo processor expert
Figura 2: Abrindo o Processor Expert

Para facilitar a configuração dos periféricos, altere o modo de visualização de “Basic” para “Advanced” e desmarcar a opção “Tabs View”.

KSDK e Processor Expert: Alterando o visual do Processor Expert
Figura 3: Alterando o visual do Processor Expert

Clicar na aba “Components Library”.

KSDK e Processor Expert: Components Library
Figura 4: Components Library

Selecionar a pasta de componentes “KSDK 1.2.0”. Neste momento, é necessário adicionar um componente de GPIO. Para isso, siga o caminho de pastas: “KSDK 1.2.0 -> Peripheral Drivers/HAL -> Inputs/Outputs -> fsl_gpio”. Clique duas vezes em “fsl_gpio”, assim será adicionado ao projeto.

KSDK e Processor Expert: Selecionando o componente GPIO
Figura 5: Selecionando o componente GPIO

Componentes do projeto, e o gpio adicionado.

KSDK e Processor Expert: Selecionando o componente para iniciar a configuração
Figura 6: Selecionando o componente para iniciar a configuração

Agora, é necessário editar este componente:

  • Adicionar os três pinos que controntram o LED RGB;
  • Configurá-los como saída;
  • Configurar o estado inicial como nível lógico 1, para manter os leds apagados.

Para isso, clicar na aba “Component Inspector”.

KSDK e Processor Expert: Component Inspector para um GPIO
Figura 7: Component Inspector para um GPIO

Para saber quais os pinos devem ser configurados, esta é uma parte do esquema com a ligação do LED RGB, na Figura 8:

KSDK e Processor Expert: Trecho do esquemático com detalhe dos pinos de acionamento
Figura 8: Trecho do esquemático com detalhe dos pinos de acionamento

Alterar as seguintes configurações:

  • Input pins: Disable
  • Output pins numbers: 3
  • Pin 0:
    • Pin: PTB22
    • Pin Name: LED_VERMELHO
    • Output logic: 1
    • Open Drain: Disable
  • Pin 1:
    • Pin: PTE26
    • Pin Name:  LED_VERDE
    • Output logic: 1
    • Open Drain: Disable
  • Pin 2:
    • Pin: PTB21
    • Pin Name: LED_AZUL
    • Output logic: 1
    • Open Drain: Disable

Execute Initialization -> Input pins -> Disable.

KSDK e Processor Expert: Detalhe da configuração final do GPIO
Figura 9: Detalhe da configuração final do GPIO

Clicar no botão para salvar todos os arquivos. Clicar no botão para gerar o código automáticamente.

KSDK e Processor Expert: Detalhe de salvar todos os arquivos e Gerar o Código do Processor Expert
Figura 10: Detalhe de salvar todos os arquivos e Gerar o Código do Processor Expert

Ao finalizar o processo de geração de código, pode minimizar a janela do Processor Expert. Abrir a pasta do projeto e terá estes arquivos:

KSDK e Processor Expert: Árvore de arquivos do projeto gerado
Figura 11: Árvore de arquivos do projeto gerado

Na pasta Source, ficam os fontes para o usuário alterar.

  • main.c: tem a função int main();
  • Events.c: tratamento de interrupções, funções de callback.

Nesta pasta também podem ser inseridos os novos módulos. É necessário seguir as indicações geradas pelos Processor Expert. Caso algum código seja inserido em lugares não apropriados, serão eliminados em alguma próxima geração automática de codigo.

KSDK e Processor Expert: Detalhamento de onde o código pode ser inserido
Figura 12: Detalhamento de onde o código pode ser inserido

De acordo com os artigos anteriores, as funcionalidades que devem ser inseridas no código são:

  1. Habilitar o fornecimento de clock para os ports: Já feito pelo Processor Expert;
  2. Configurar os pinos para operar como GPIO: Já feito pelo Processor Expert;
  3. Configurar a direção dos pinos: Já feito pelo Processor Expert;
  4. Operar no acionamento dos pinos.

A única tarefa que é realmente necessária, é o objetivo do projeto, que no caso é piscar os leds de tempo em tempo.

A funcionalidade de delay será semelhante aos artigos anteriores, uma variável é iniciada com um valor bem alto e decrementado até chegar a zero.

Para acionar os leds, serão usadas as funções dos KSDK, porém não é necessário acessar a documentação, basta explorar os componentes inseridos pelo Processor Expert. A função necessária é a de toggle.

KSDK e Processor Expert: Funções disponíveis para controlar o GPIO
Figura 13: Funções disponíveis para controlar o GPIO

Para utilizar a função, basta clicar e arrastar para o local desejado no código. E na função, indicar qual o nome do pino que se deseja atuar. Veja como ficou no código.

O tamanho do binário final:

KSDK e Processor Expert: Tamano do binário final
Figura 14: Tamano do binário final

Conclusão

O tamanho do binário é o valor indicado por “text”. Sendo assim, segue a comparação dos tamanhos dos binários:

  1. Código somente com KDS = 1736;
  2. Código com KDS e KSDK = 14344;
  3. Código com KDS, KSDK e Processor Expert = 13196.

O primeiro método realmente é o que menos consome, porém tem o custo da curva de aprendizagem, consulta em documentação. O segundo método já consome bem mais código, pois para modularizar o acesso ao hardware, diversas chamadas de funções são geradas. O terceiro método é o mais amigável, e ainda consumiu um pouco menos que o segundo. A grande facilidade está em configurar os periféricos de forma visual.

O que achou dos métodos, qual sua preferência?

Outros artigos da série

<< Projeto com a FRDM-K64F e KDS – Suporte ao KSDK
Licença Creative Commons Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.

Receba os melhores conteúdos sobre sistemas eletrônicos embarcados, dicas, tutoriais e promoções.

Software » Projeto com a FRDM-K64F e KDS - Suporte ao KSDK e Processor Expert
Comentários:
Notificações
Notificar
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Talvez você goste:

Séries



Outros da Série

Menu