Nenhum comentário

Conectividade LTE CAT-M1 e NB-IoT chegam ao Brasil e são testadas em evento

LTE CAT-M1

As redes de comunicação LTE CAT-M1 e NB-IoT estão sendo apontadas como a provável solução de conectividade para produtos e soluções IoT em um futuro próximo. Esses padrões de conectividade são diferentes, operam com frequências e modos de operações diferentes, e as vantagens e desvantagens de ambos devem ser estudados conforme a aplicação e disponibilidade de cobertura, além de custo e necessidade de economia de energia.

No Brasil, o Embarcados em parceria com a Qualcomm e seus parceiros de hardware, Sierra Wireless, Telit e Quectel, realizou um programa de parcerias em IoT, que ainda está acontecendo e pode ser acompanhado nesse link, onde foram disponibilizados cerca de 40 kits de desenvolvimento, a maioria deles com conectividade LTE CAT-M1 e,ou NB-IoT e também com conectividade 2G. Como até o mês passado não havia cobertura das redes LTE CAT-M1 e NB-IoT no Brasil, os participantes que receberam modens para o desenvolvimento de seu projeto foram encorajados a fazer seus projetos com conectividade 2G.

E ontem, durante a Futurecom 2018, a operadora de telefonia celular Claro anunciou a expansão de sua rede de cobertura LTE-IoT Ready para 80% do território brasileiro até o final do ano. No evento, a conectividade LTE Cat-M1 e NB-IoT da Claro estava disponível e foi demonstrada com diversas empresa e projetos que envolvem IoT. Na semana que precedeu a feira, a Qualcomm testou a conectividade Cat-M1 e NB-IoT em seu escritório em São Paulo, utilizando equipamentos de parceiros. A disponibilidade de conectividade Cat-M1 e NB-IoT é muito escassa no Brasil, praticamente inexistente atualmente e, conforme o anúncio da Claro, várias cidades deverão receber atualizações que permitirá com que haja disponibilidade dessa nova tecnologia em breve. Ou seja, a disponibilidade de cobertura LTE que abre uma nova era ao IoT chegou ao Brasil.

Figura: Comparativo entre as tecnologia CAT-M1 e CAT-NB1. Fonte: Qualcomm

Seguindo uma tendência mundial, a cobertura com tecnologia LTE, com NarrowBand IoT e Cat-M1 pode vir a substituir a cobertura 2G, que hoje é muito utilizada para aplicações IoT que utilizam a rede celular. Duas aplicações bem consolidadas no Brasil são de rastreamento e para máquinas portáteis para pagamento (maquininhas de cartão de crédito). Vamos aguardar então o trabalho das operadoras e as empresas provedoras de soluções de hardware, em especial as parceiras da Qualcomm, e as empresas desenvolvedoras de soluções de hardware para verificar o surgimento de soluções reais em nosso dia a dia a partir do ano que vem.

Licença Creative Commons Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.

Receba os melhores conteúdos sobre sistemas eletrônicos embarcados, dicas, tutoriais e promoções.

Notícias » Conectividade LTE CAT-M1 e NB-IoT chegam ao Brasil e são testadas em evento
Comentários:
Notificações
Notificar
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Talvez você goste:

Nenhum resultado encontrado.

Séries

Menu

WEBINAR
 

Soluções inteligentes para acionamento de MOSFETs/IGBTs com família STDRIVE

Data: 08/10 às 15:00h - Apoio: STMicroelectronics
 
INSCREVA-SE AGORA »



 
close-link