Aprenda sobre as Portas lógicas E

Aprenda sobre as Portas
Este post faz parte da série Portas lógicas. Leia também os outros posts da série:

Uma das lógicas de controle mais utilizadas em nosso dia é a famosa lógica “E”, também conhecida como AND, ou simplesmente Portas Logicas E. Ela pode ser utilizada em basicamente todos os estilos de sistemas eletroeletrônicos para controle do funcionamento de equipamentos e processos, ou seja, podemos aplicá-la em:

  • Comandos Elétricos
    • Lógica de Contatos
  • Eletrônica Digital
    • Porta lógica E
  • Eletrônica Analógica
    • Transistores como chave;
  • Controlador Lógico Programável (CLP)
    • Linguagem Ladder;
    • Linguagem FBD – Blocos digitais;
    • Linguagem STL – Lista de Instruções;
  • Microcontroladores
    • Linguagem C
    • Assembly

Basicamente aplicamos a lógica E para que alguma carga seja ativada quando duas ou mais entradas sejam acionadas ao mesmo tempo, ou seja, se uma lâmpada deve ser ativada quando acionar o interruptor “E” o sensor de presença for ativo, seu funcionamento se dará de acordo com a seguinte tabela da verdade:

Portas Lógicas E:

InterruptorSensor de PresençaLâmpada
00Desligada – 0
01Desligada – 0
10Desligada – 0
11Ligada – 1

Quando convertemos a lógica “E” em um comando através de chaves normalmente abertas, ou seja NA, teríamos o seguinte circuito elétrico:

Lógica E realizada com Chaves NA
Figura 1 – Lógica de portas lógicas E realizada com Chaves NA

Portanto a lâmpada representada pelo LED D2 ligaria somente se fossem acionados o sensor de presença e o interruptor.

Acionamento da carga com chaves acionadas
Figura 2 – Acionamento da carga com chaves acionadas

Podemos desenvolver a lógica “E” de diversas maneiras, como nosso foco é a Eletrônica Digital, mostraremos abaixo circuitos eletrônicos que utilizam lógica E com portas Lógicas.

Portas lógicas E Com porta lógica da família CMOS 4081
Figura 3 – Lógica “E” Com porta lógica da família CMOS 4081
Portas lógicas E" Com porta lógica da família TTL 7408
Figura 4 – Lógica “E” Com porta lógica da família TTL 7408

Vamos agora colocar em prática a tabela da verdade para as Portas lógicas E, vista logo acima? É pra já!

Quando as duas entradas estão em nível 0, ou seja, desativadas, a saída será 0.

0  "E" 0 - RESULTADO = 0
Figura 5 – 0  “E” 0 – RESULTADO = 0

Quando acionamos somente o interruptor, a saída permanece desligada.

0 "E" 1 - RESULTADO = 0
Figura 6 – 0 “E” 1 – RESULTADO = 0

Da mesma maneira, se acionamos somente o sensor de presença, a saída permanece desligada.

Portas lógicas E 1 "E" 0 - RESULTADO = 0
Figura 7 – 1 “E” 0 – RESULTADO = 0

Logo, a única combinação que acionará a saída da porta lógica E será a que todas as entradas estão acionadas.

1 "E" 1 - Resultado = 1
Figura 8 – 1 “E” 1 – Resultado = 1

Quer saber mais sobre as Portas lógicas E e sua aplicabilidade em Eletrônica Digital? Não perca a vídeo aula abaixo feita pelo Canal Eletrônica Fácil através do Professor Rodolpho Chrispim de Oliveira.

Aproveite e se inscreva no canal Eletrônica Fácil e fique por dentro de todos os assuntos do mundo da eletroeletroônica.

Outros artigos da série

Aprenda sobre as Portas lógicas OU >>
Licença Creative Commons Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.

Receba os melhores conteúdos sobre sistemas eletrônicos embarcados, dicas, tutoriais e promoções.

Hardware » Aprenda sobre as Portas lógicas E
Comentários:
Notificações
Notificar
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Talvez você goste:

Séries



Outros da Série

Menu