2 Comentários

FireAnt – Uma placa FPGA para makers e desenvolvedores de hardware

FireAnt

Recentemente estão surgindo no mercado uma variedade de placas de desenvolvimento para FPGAs. Já apresentei aqui algumas placas como a Fipsy , iCEBreaker e até mesmo uma placa Arduino com FPGA, a MKR Vidor 4000. Todas elas possuem o objetivo de facilitar o desenvolvimento de aplicações usando FPGAs.  Esse movimento não para de crescer, e dessa vez venho apresentar a FireAnt, uma placa com uma FPGA da Efinix, isso mesmo, não é uma FPGA das consagradas Lattice, Intel (Altera) ou Xilinx.

A FireAnt é a primeira placa de desenvolvimento de terceiros para a família de produtos Efinix Trion. Ela está sendo promovida através de uma campanha no Crowd Supply. Vamos ver os seus detalhes.

Detalhes da placa FireAnt

A FireAnt vem com a FPGA Efinix Trion T8, com 7384 LEs (Logic Elements), oito multiplicadores embutidos, um PLL, 128Kb de RAM e um oscilador de cristal de 33.333MHz. Seu design compatível com protoboard, permite a prototipagem rápida na bancada tanto para desenvolvedores quanto para entusiastas e estudantes. A figura a seguir exibe a FireAnt destacando seus recursos:

FireAnt
  1. Efinity Trion T8F81C2 FPGA
  2. FTDI FT232HQ UART/FIFO IC
  3. Winbond W25Q80DV Serial NOR Flash
  4. 3.3 V LDO regulator
  5. Micro USB female connector
  6. Button: CRESET
  7. BTN1
  8. BTN2
  9. LED_PWR
  10. LED_CDN
  11. LED1, LED2, LED3, LED4

Especificações da placa FireAnt

  • FPGA Efinix Trion T8 
    • 7384 LE counts
    • 8 embedded multipliers
    • 1 low-power oscillator
    • 1 PLL
    • 122.88 kbit internal RAM
    • Package size: BGA-81 5×5 mm
  • Dimensões: 51.4 x 18.3 mm
  • Alimentação: VBUS 5 V | VCC 3.3 V
  • VCCIO: 3.3 V
  • Onboard 33.333 MHz crystal oscillator for PLL
  • GPIOs: 35
  • LED: 6 (incl. 4 user-configurable LEDs)
  • Flash: 8 Mbit serial NOR Flash
  • Interface de Programação:
    • USB 2.0 Hi-Speed(480 Mb/s)
    • JTAG (with exposed pin in bottom layer via external JTAG programmer)
  • Plataforma de desenvolvimento: Efinity Software

A figura a seguir exibe o seu pinout:

FireAnt

Efinity Software

O software Efinity é um IDE amigável para o desenvolvimento com o FPGA Trion. Ele fornece um fluxo de ferramentas completo em todo o processo de desenvolvimento de RTL, desde a síntese, posicionamento e rota (PNR) até a análise de tempo e geração de fluxo de bits. A ferramenta também vem com uma interface de linha de comando (CLI) e um console de comando Tcl. Atualmente, o software Efinity suporta Verilog HDL e está disponível nas plataformas Windows e Linux (Ubuntu / Red Hat Enterprise / CentOS).

FireAnt

Mais detalhes sobre o Efinity Soffware no GITHUB

A FireAnt já vem carregada com firmware de demonstração pronto para uso. O firmware é na verdade um contador de 4 bits com velocidade de contagem configurável. Pressionando BTN1 para acelerar e BTN2 para desacelerar.

Confira o vídeo da campanha

Como mencionado no início, a placa está em campanha no Crowd Supply, com previsão de envio para Setembro de 2019. 

A FireAnt se mostra uma excelente plataforma para estudos, testes e até mesmo aplicações finais. 

O que achou dessa nova placa? Deixe seu comentário abaixo.

Licença Creative Commons Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.

Receba os melhores conteúdos sobre sistemas eletrônicos embarcados, dicas, tutoriais e promoções.

Notícias » FireAnt - Uma placa FPGA para makers e desenvolvedores de hardware
Comentários:
Notificações
Notificar
guest
2 Comentários
recentes
antigos mais votados
Inline Feedbacks
View all comments
Erick
Erick
06/07/2019 07:22

Fábio, as placas de desenvolvimento ESP são placas FPGA? Você não mencionou as ESP como exemplo de placa FPGA neste artigo. Se não são, qual a diferença? Abç

Caio Oliveira
Caio Oliveira
Reply to  Erick
10/07/2019 10:11

Oi Erick, o ESP é um SoC (System on Chip) contendo um processador de 32 bits dotado de um controlador WiFi, ou seja, este chip é um hardcore, isso quer dizer que seu hardware não pode ser reconfigurado. Do outro lado, um chip FPGA é capaz de ser configurado a partir de uma linguagem de descrição. Concluindo, as placas ESP não são FPGA.

O que não impede de ter placas contendo um chip FPGA mais um chip ESP.

Talvez você goste:

Séries

Menu

WEBINAR
 
Porque o RTOS não faz o que eu quero?

Data: 28/10 às 19:30h - Apoio: Mouser Electronics
 
INSCREVA-SE AGORA »



 
close-link