Como instalar o Zephyr no Ubuntu 16.04

Zephyr instalar o Zephyr no Ubuntu
Este post faz parte da série Zephyr. Leia também os outros posts da série:

Olá pessoal, eu escrevi um post sobre o Zephyr, o RTOS para IoT desenvolvido pela Linux Foundation, há alguns dias e nesse post vou mostrar como instalar esse Sistema Operacional no Linux e utilizar o simulador para rodar um hello-world.

Em um terminal do Linux, crie uma pasta que preferir, entre nela e clone o Git do projeto. No meu caso fiz tudo na raiz.

Uma pasta zephyr-project será criada nesse diretório. Verifique com o comando:

Instale as dependências:

Depois atualize todos os pacotes utilizando o comando apt-get update:

Entre na pasta do Zephyr e utilize o comando source:

É necessário baixar o arquivo zephyr-sdk-<version>-i686-setup.run para a arquitetura i686. Para descobrir a versão mais atual, entre neste site e veja qual é a versão que está sendo utilizada com o número mais atual.

Ou seja, para a versão 0.7.5:

Aguarde enquanto a instalação prossegue. O arquivo é grande. Tenha paciência. Você deve ver o seguinte no terminal:

É necessario instalar o arquivo que acabou de baixar. Altere primeiramente as permissões:

Ou seja, para a versão 0.7.5:

E então instale:

Ou seja, para a versão 0.7.5:

Durante a instalação, vai pedir o diretório em qual deseja instalar, por padrão deixe vazio, O local da instalação sera /opt/zephyr-sdk/ (guarde esse local).

Você deve ver o seguinte no terminal:

Exporte as variáveis para que o build system do zephyr consiga encontrá-las. Para isso, digite no terminal:

Para esse projeto:

Opcionalmente você pode executar o seguinte comando para que consiga usar o Zephyr em futuras sessões sem ter que repetir os passos de exportação:

Para esse projeto:

Para verificar o conteúdo desse arquivo, ~/.profile, pode-se acessa-lo via gedit, por exemplo:

Uma vez instalado, você já pode navegar pelos samples e testar aplicações no simulador, para tal acesse de dentro da pasta do zephyr.

Para a versão 0.7.5, entre na pasta:

Para rodar o hello word não é necessário alterar nada, dentro da mesma pasta corrente. Vamos compilar e rodar nosso primeiro hello wolrd:

Ou simplesmente:

E você deve ter algo assim no terminal:

Instalar o Zephyr no Ubuntu: Hello World no QEMU com zephyr

Para sair dessa tela, pressione CTRL+a e x.

Opcionalmente podemos brincar no menuconfig para  configurar o kernel, para tal execute:

Teremos algo assim:

 Instalar o Zephyr no Ubuntu: Menuconfig do zephyr

Para sair, navegue até a opção Exit.

Simples não? Agora podemos começar a desenvolver aplicações com esse poderoso RTOS.

Esse texto teve a contribuição de Thiago Lima.

Outros artigos da série

<< Zephyr, o RTOS para IoT desenvolvido pela Linux FoundationDebug do kernel do Zephyr com o Eclipse IDE >>
NEWSLETTER

Receba os melhores conteúdos sobre sistemas eletrônicos embarcados, dicas, tutoriais e promoções.

Obrigado! Sua inscrição foi um sucesso.

Ops, algo deu errado. Por favor tente novamente.

Licença Creative Commons Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.

Felipe Neves
Engenheiro de sistemas embarcados apaixonado pelo que faz, já trabalhou em diversos setores de tecnologia nos últimos 14 anos com destaque para Defesa, Automação, Agricultura, Wearables, Robótica e mais recentemente Semicondutores. Possui sangue maker, tendo paixão por construir e compatilhar suas próprias coisas e explorar novos sabores dentro do mundo "embedded". Atualmente trabalha como Engenheiro de Software Senior na Espressif, sim aquela do ESP32 e do ESP8266. Tem interesse em tópicos que envolvam Robótica, Controle de Movimento, DSP e Sistemas de Tempo Real.

2
Deixe um comentário

avatar
 
1 Comment threads
1 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
2 Comment authors
Thiago LimaRafael Dias Recent comment authors
  Notificações  
recentes antigos mais votados
Notificar
Rafael Dias
Visitante
Rafael Dias

OPAAAAAAAAAAAA!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
Faltou incluir a libncurses no apt-get lah no comeco do sambado.

Sem isso, o make menuconfig nao funfa

Thiago Lima
Visitante

Vou atualizar isso! 🙂 Obrigado Rafael!