CES 2019: Definindo uma nova sociedade inteligente para todos nós

A Consumer Electronics Show (CES) de 2019 reuniu uma variedade de inovações de produtos. Com 180.000 pessoas estimadas e quase 4.500 empresas presentes, simplesmente não há outro evento relacionado à tecnologia que aconteça em termos de escala ou diversidade.

 

CES começou com o peso da grande IBM, definindo sua agenda em relação a liderança da inteligência artificial (IA). A CEO da empresa, Ginni Rometty, fez o discurso de abertura do evento, no qual explicou que a indústria agora deve procurar ir além do aprendizado de máquina em direção à inteligência intuitiva que a AI geral (AGI) um dia possibilitará. O espaço médico já está aplicando tecnologia avançada de IA, um ótimo exemplo disso é o protótipo de sensor de unha que os engenheiros da IBM desenvolveram para combater o aparecimento de distúrbios neurodegenerativos, como a doença de Parkinson. Isso é feito através da compilação de dados de inferência da IA ​​na fala do paciente e, posteriormente, identificando possíveis mudanças ao longo do tempo.

 

A Qualcomm também mostrou sua força na área de inteligência artificial - revelando uma nova plataforma de cockpit automotivo, com base em seu hardware com processador Snapdragon, e apresentando seus sofisticados recursos de processamento de sinal de imagem e o AI Engine proprietário. Composta por posicionamento / navegação de ponta, áudio visual multi-zona imersivo e elementos visuais atraentes - além de conectividade Wi-Fi 6 e Bluetooth - a plataforma do cockpit automotivo visa melhorar a experiência geral no veículo para seus ocupantes. A funcionalidade que pode ser acessada através da plataforma inclui displays panorâmicos ultra-amplos, clusters de instrumentação digital 3D reconfiguráveis, displays de heads-up de realidade aumentada (AR), etc. Através do motor AI, níveis elevados de personalização do motorista / passageiro podem ser realizados, bem como assistência virtual orientada para carros, além de recursos como controle de voz natural, compreensão de linguagem e interfaces homem-máquina adaptáveis ​​(IHMs).

 

A NVIDIA também teve um grande impacto, anunciando uma colaboração com a gigante automobilística alemã Mercedes-Benz para trazer funcionalidades avançadas de IA para os modelos de carros do futuro. Utilizando a tecnologia NVIDIA DRIVE como base, as duas empresas imaginam uma arquitetura unificada completamente nova na qual todas as numerosas operações de computação dentro de um carro são abrangidas - aumentando assim os níveis de eficiência e aumentando o desempenho.

 

Também houve muita atividade relacionada à automação residencial, com a Amazon, o Google e agora a Samsung - com seu novo produto Bixby - mostrando como eles estão empenhados em obter uma vantagem tecnológica que lhes permita obter participação no mercado no domínio de assistência digital. Com uma cobertura LTE aprimorada, a solução de célula pequena Sprint TREBL com Magic Box, que estreou na CES, combina um assistente Alexa e um desempenho de áudio de última geração com um par de alto-falantes de 8W e um amplificador integrado, além de três microfones de campo e funções de cancelamento de ruído / eco.

 

Parece não haver limite para onde a tecnologia de automação pode ser aplicada dentro de casa, houve até mesmo vários sistemas de banheiros inteligentes expostos durante a feira. Adicionando maior conveniência a ambientes domésticos modernos, a unidade de display inteligente à prova de respingos KitchenAid possui a funcionalidade integrada do Assistente do Google, permitindo que os usuários criem listas de compras, pesquisem receitas, recebam instruções passo-a-passo de preparo de alimentos ou assista conteúdo de vídeo relacionado, além de oferecer espaço para controlar outros dispositivos. A tela de 10 polegadas é habilitada para toque, mas a opção de comando de voz viva-voz é ideal para realizar tarefas culinárias confusas.

 

O ecossistema Apple HomeKit foi substancialmente reforçado por anúncios de empresas como Sony e LG que produzirão TVs inteligentes que o suportem. O que ganhou muita atenção (e também um Prêmio de Inovação da CES) foi o Hive Link - um sistema projetado para proporcionar melhor qualidade de vida aos idosos, permitindo que eles continuassem vivendo de forma independente por mais tempo. Ele se baseia em um algoritmo AI de aprendizagem constante, que interpreta os dados de sensores distribuídos pelo espaço. Esses dados podem ser acessados ​​por meio de um aplicativo móvel pelo cuidador ou por membros da família. Além disso, se houver uma mudança significativa no dia-a-dia da pessoa idosa - como não ir à cozinha para tomar café da manhã ou não sair da cama - isso automaticamente aciona uma resposta e o cuidador é notificado.

 

Explorando a possibilidade de IHMs de automação residencial que não afetam muito o ambiente ao redor, o Mui é um hub de controle de casa inteligente embutido em madeira. Não há indicação de que haja até mesmo uma IHM até que seja ativada usando um simples golpe de mão. Em seguida, seus LEDs aparecem debaixo de um material de verniz fino. O sistema pode funcionar como um alto-falante inteligente / assistente digital normal, mas não apresenta uma distração indesejada ou interfere no "tempo da família".

 

Há sempre muitas notícias sobre a robótica em todas edição da CES nos últimos anos. Indiscutivelmente a estrela do show desta vez foi Walker atualizado da UBTech. Este robô bípede assume uma forma humanóide, embora ligeiramente menor que a altura humana média. Ele pode interagir com o ambiente ao usar os recursos de visão, toque e voz. Graças à melhoria do auto equilíbrio, a estabilidade perambulatória é mantida mesmo em terrenos difíceis. Além disso, tem a capacidade de apreender / manipular objetos e realizar tarefas úteis. Enquanto isso, o ElliQ da Intuition Robotics aborda o tema recorrente de ajudar os idosos ou enfermos - oferecendo-lhes um companheiro e neutralizando os efeitos da solidão.

 

Com intenções mais criativas, o robô Scribit compacto pode renderizar imagens multicoloridas em grande escala da Internet ou de outros lugares - diretamente nas paredes e janelas. Isso poderia potencialmente ser usado por lojas de varejo, cafés / bares e também para fins de decoração de casa. Por último, mas não menos importante, para o viajante de negócios mais perspicaz, a Ovis da ForwardX Robotics é uma mala autônoma com visão por máquina e capaz de seguir o seu proprietário em redor de lobbies de hotéis e terminais de aeroportos. Possui um sistema de navegação de autoaprendizagem e funções de desviar de objetos.

 

Tudo isso fez o evento CES ser muito divertido. Reunindo mais de 4.500 empresas e exibindo produtos inovadores em áreas como saúde digital, tecnologia vestível (wearables), automação residencial, IA, veículos autônomos, realidade aumentada e robótica, a CES 2019 celebrou o espírito de inovação.

 

Artigo escrito originalmente por Mouser Electronics: CES 2019: Defining a New Smarter Society For Us All

 

Traduzido por Equipe Embarcados

NEWSLETTER

Receba os melhores conteúdos sobre sistemas eletrônicos embarcados, dicas, tutoriais e promoções.

Obrigado! Sua inscrição foi um sucesso.

Ops, algo deu errado. Por favor tente novamente.

Licença Creative Commons Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.

Mouser Electronics
Mouser Electronics é um dos líderes mundiais em distribuição de semicondutores e componentes eletrônicos e distribuidor autorizado de mais de 500 fornecedores líderes da indústria. Nosso foco é a excelência em serviço ao cliente, oferendo rápida entrega e embarque imediato com a precisão no processo, desde a colocação dos pedidos até a sua entrega. Mouser oferece uma ampla seleção de produtos em estoque para rápido envio a mais de 170 países.

Deixe um comentário

avatar
 
  Notificações  
Notificar