Site icon Embarcados – Sua fonte de informações sobre Sistemas Embarcados

Avaliação da Arduino Pro IDE

destaque avaliação arduino pro ide

Visão Geral

Durante a Maker Faire Rome, ocorrida em 19/10/2019, Massimo Banzi e Luca Cipriani, co-fundador e CIO da Arduino, respectivamente, anunciaram a versão alpha da Arduino Pro IDE. Dentre os atributos, estão inclusos auto complete para placas ARM, integração com GitHub e recursos para pesquisa e instalação de bibliotecas e gerenciador de placas. Para ficar a par dos recursos já lançados, as correções de bugs e suas versões, é só dar uma olhada no changelog das releases.

A Arduino IDE Pro é desenvolvida com as plataformas Theia e Electron, que é uma plataforma para desenvolver aplicações do tipo Integrated Development Environment (IDE) e um framework usado para desenvolver aplicações desktop usando Node.js, respectivamente. O Visual Studio Code também é baseado em Electron e a Arduino Pro IDE está bem semelhante ao editor de código da Microsoft.

Testando as versões

Primeiramente foi instalada a última versão da IDE, a v0.0.5-alpha.preview. Houve problemas em conseguir trabalhar com o SoC ESP8266, que é a placa que mais utilizo. Há uma issue no GitHub oficial que sugere uma “gambiarra” para fazer funcionar. As instruções são para adicionar a(s) placa(s) customizadas na Arduino IDE com o link de placas customizadas, como o https://arduino.esp8266.com/stable/package_esp8266com_index.json por exemplo, e em seguida, instalar a Arduino Pro IDE. Todavia, as recomendações não deram certo.

Ainda segundo a issue, as dicas se referiam à versão v0.0.2-alpha.preview da Pro IDE. Por isso, testei a referida versão e também todas as outras seguintes, conforme discutido nos itens a seguir.

Versão 0.0.2

Com essa versão foi possível trabalhar com o ESP8266. Na Figura 1 é possível ver a versão em Dark Theme e com o upload concluído para o ESP8266.

Figura 1 – Versão 0.0.2 em Dark Theme

Na Figura 2 há a versão para àqueles que não são adeptos ao tema escuro.

Figura 2 – Versão 0.0.2 em Arduino Light Theme

Além das opções de mudança de tema, há também uma configuração disponível para selecionar o modo avançado da IDE ou não. Na Figura 3 está o exemplo da IDE no modo simplificado, que é mais semelhante à versão padrão.

Figura 3 – Versão 0.0.2 sem o modo avançado em Dark Theme

Na Figura 4 há um exemplo da IDE com o modo avançado desativado e com o tema Arduino Light Theme selecionado.

Figura 4 – Versão 0.0.2 sem o modo avançado em Arduino Light Theme

Nesta versão é possível perceber alguns bugs, como problema de contraste de cores quando o dark theme está selecionado, conforme Figura 5.

Figura 5 – Problemas de contraste em dark theme

Apesar do problema de contraste, o gerenciador de placas funciona bem, diferentemente da última versão, e é possível visualizar melhor na Figura 6, em que o modo selecionado é o Arduino Light Theme e por isso, não há problemas de contraste.

Figura 6 – Seleção de placas em Arduino Light Theme

 Versão 0.0.3

Na versão v0.0.3-alpha.preview é possível observar mais algumas features e correção no contraste das cores no modo dark. A seleção de placas funciona para o esp8266 assim como a versão anterior, como exemplificado na Figura 7.

Figura 7 – Problema de contraste corrigida

Na Figura 8 é possível ver o correto funcionamento da feature introduzida que adiciona uma nova interface para o gerenciamento de placas.

Figura 8 – Utilização da nova Boards Manager

 

Versão 0.0.4

A versão v0.0.4-alpha.preview também funcionou bem e senti a IDE mais rápida tanto no carregamento quanto nas demais funcionalidades. Quanto ao visual não houve qualquer mudança a qual pudesse perceber, e está igual a versão anterior e à seguinte.

Versão 0.0.5

Quanta à última versão, até a presente data de 21/03/2020, o visual da interface está igual à versão anterior, conforme Figura 9, Figura 10 e Figura 11, que mostra a interface em modo avançado habilitado, desabilitado e habilitado em Arduino Light Theme, respectivamente.

Figura 9 – Versão 0.0.5 em modo avançado habilitado
Figura 10 – Versão 0.0.5 em modo avançado desabilitado

Todavia, conforme discutido no início do artigo, há um bug que impede de trabalhar com placas customizadas, conforme visto na Figura 12. 

Figura 12 – Bug no gerenciador de placas

Conclusão

Como pontos negativos, senti falta dos sketchs de exemplo como há na versão tradicional da IDE. Além disso, o ambiente não parece oferecer suporte para uploads utilizando OTA (Over the Air), conforme testes feitos na versão 0.0.2 e 0.0.4. Fora isso, o ambiente é bem moderno e com todas as tendências dos demais ambientes de desenvolvimentos atuais. A expectativa que tenho é que esta se torne a futura versão da IDE. Por isso é interessante contribuir, nem que seja relatando os bugs pelo GitHub oficial. Pessoalmente recomendo a versão 0.0.4 considerando uma relação entre features adicionadas e correção de bugs.

Referências

MASTROLINUX, 2019. Arduino Pro IDE (alpha preview) with advanced features. Acesso em 21/03/2020. Disponível em: <https://blog.arduino.cc/2019/10/18/arduino-pro-ide-alpha-preview-with-advanced-features/>.