FPGAs Altera MAX 10

MAX10

A Altera acaba de divulgar a família de FPGAs MAX 10. Essa nova linha de CIs promete revolucionar o mercado de FPGAs porque possui algumas características e particularidades bem interessantes.

 

Essa família de CIs conta com ADC, memória Flash integrada com suporte a duas configurações, instruções de DSP, interface externa DDR3 e memória RAM em um único CI.

 

Normalmente é necessário ter duas configurações de FPGA na flash para fazer atualizações, o famoso fail-safe. Se a atualização falhar enquanto equipamento é atualizado, o equipamento inicializa por outra parte da memória, dificultando o famoso brick. Isto tinha que ser codificado na mão. A família MAX 10 possui uma memória Flash interna (configuração não volátil) com esta funcionalidade. Caso você não for utilizar esta funcionalidade é possível usar parte da memória para a aplicação. Isto economiza espaço, custo, diminui o consumo de energia de todo o sistema e aumenta a segurança do sistema eletrônico, já que o design passa a contar com menos pontos de ataque.

 

Possui blocos analógicos integrados ao CI. Possui também ADC de precisão e um sensor de temperatura interno ao CI.

 

Além disso, também dispõem de um barramento para conexão com memórias externas SDRAM, padrões DDR3 e LPDDR2, controlados por controladores de memória por software IP.

 

Ele pode ser configurado com os processadores embarcados vendidos pela Altera (Altera’s soft core Nios II embedded processors) além de outros softcores, o que permite versatilidade no projeto, como nos FPGAs anteriores. Agora a Altera conta com as famílias de FPGA Max 10, Cyclone, Arria e Stratix, sendo o Max 10 um misto de CPLD e FPGA

 

 

 

Referências

 

http://www.altera.com/devices/fpga/max-10/max-10-index.html

 

NEWSLETTER

Receba os melhores conteúdos sobre sistemas eletrônicos embarcados, dicas, tutoriais e promoções.

Obrigado! Sua inscrição foi um sucesso.

Ops, algo deu errado. Por favor tente novamente.

Licença Creative Commons Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.

1
Deixe um comentário

avatar
 
1 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
0 Comment authors
Review BeMicro Altera Max 10 Recent comment authors
  Notificações  
recentes antigos mais votados
Notificar
trackback

[…] de baixo custo da Altera, os Max 10 (anunciado aqui no Embarcados por Andre Prado[1] no artigo [2]), fui a busca de uma placa de avaliação afim de reciclar os conhecimentos em FPGA, bem como usar […]